Brasil
A semana começa com o governo Bolsonaro se isolando cada vez mais. Exonerou 3 generais e tirou Joaquim Levy da presidência do BNDES, um financista que agrada muito o mercado. O novo presidente do banco terá que ter uma fidelidade canina, além de muita disposição para cumprir qualquer ordem e executar a estratégia de liquidação do banco de desenvolvimento. O BNDES atuante Ler mais