Home Notícias publicadas porPaulo Kliass
Brasil
Paulo Kliass comenta a denúncia de um grupo de economistas que, com base em planilhas oficiais, demonstram que todos os cálculos apresentados pela equipe de Guedes para justificar a reforma eram falsificados. Usaram informações de forma enviesada para convencer que a reforma seria necessária e indolor aos mais pobres. Agora, com os documentos, vemos que os dados foram Ler mais
Brasil
O economista Paulo Kliass fala sobre a tentativa do governo Bolsonaro em acelerar a tramitação da reforma da Previdência no Senado. “O governo não consegue apresentar uma notícia boa sobre economia. O que pretende fazer é acelerar o processo de desmonte por meio das privatizações e da tentativa de destruir o regime da Previdência Social. O Senado deve fazer as mudanças Ler mais
Brasil
Essa história de que o dinheiro público acabou é mentira. Paulo Guedes nunca escondeu sua obediência burra aos preceitos de que a solução é cortar as despesas públicas e está levando isso até as últimas consequências. Os países mais desenvolvidos do mundo já fizeram autocrítica da crença irrestrita ao liberalismo. Perceberam que para superar a crise de 2008 e 2009 tinham Ler mais
Brasil
Na coluna dessa semana, o economista Paulo Kliass comenta o segundo turno da votação da reforma da Previdência na Câmara dos deputados. Para ele, com as articulações de Maia, a reforma vai passar. Resta alguma esperança que o Senado barre a proposta. Kliass alerta: “É preciso revogar urgentemente a emenda que congela gastos públicos por 20 anos. E outra palavra de ordem Ler mais
Brasil
A maior parte do recurso liberado não será dirigida a consumo nenhum, será utilizado para pagar dívidas. A única forma de recuperar o crescimento da economia é romper com essa posição de que o Estado tem que cortar gastos. Ao contrário do que diz o senso comum, em momento de crise, o Estado tem que sair gastando. Enquanto não resgatarmos o protagonismo do Estado, não Ler mais
Brasil
Já conhecemos a estratégia diversionista do Bolsonaro. É preciso ficar atento, porque enquanto a gente presta atenção na questão do zero3 na embaixada, o governo prepara um novo pacote de maldades que inclui o desmonte da Universidade pública, a independência do Banco Central e uma reforma tributária que a gente sabe que vai favorecer, mais uma vez, os mais ricos. Ler mais