Brasil

Bolsonaro foge do debate. Haddad topa debater até na enfermaria do capitão.

Os médicos que acompanham o candidato à Presidência Jair Bolsonaro não o autorizaram a participar de debates eleitorais na TV e nem comparecer a eventos de campanha de rua pelo país até o próximo dia 18.

Segundo o cirurgião Luiz Macedo e o cardiologista Leandro Echenique, que avaliaram o quadro clínico do capitão nesta quarta-feira, o candidato ainda está fraco para os compromissos eleitorais. Os médicos recomendaram que Bolsonaro permaneça em casa, em repouso relativo, e não participe na sexta-feira (12) do debate com o adversário Fernando Haddad, previsto na Rede Bandeirantes.

O candidato do PT Fernando Haddad criticou a ausência de Bolsonaro no debate e afirmou que se preciso ele vai até “a enfermaria em que ele estiver” para “debater o Brasil”.

Haddad também disse que não pretende estressar Bolsonaro nos debates. “Ele falou que não quer se estressar, eu não vou estressar ele. Vou falar da forma mais calma possível. Vou falar docemente. Não altero a voz. Nem olho para ele se ele ficar com muito receio. Faço o que ele quiser para ele falar o que ele pensa e debater o país. Com assistência médica, enfermaria, em qualquer ambiente.”

Notícias relacionadas

  1. Que po..a!, militar, não quer se estressar? Vai pra guerra e não quer se estressar? É um cagão, isso sim. Não quer demonstrar a total falta de conhecimento.

A sua opinião é importante, comente!