Brasil

Ao vivo: Seminário na Fundação Perseu Abramo “Ameaças à democracia e à ordem multipolar”

A Fundação Perseu Abramo (FPA) realizará durante todo o dia 14 de setembro o seminário internacional “Ameaças à Democracia e à Ordem Multipolar”, uma iniciativa de Celso Amorim, com a presença de pensadores e políticos de prestígio internacional.

Assista ao vivo:

 

 

Confira a programação:

9h | Sessão de abertura
– Marcio Pochmann, presidente licenciado da Fundação Perseu Abramo; e
– Gleisi Hoffmann, senadora e presidenta do Partido dos Trabalhadores.

9h20-13h | Mesa 1 – A democracia e a crise do multilateralismo no mundo contemporâneo
Expositora/es:
– Dominique de Villepin, ex-primeiro-ministro da França;
– Massimo D’Alema, ex-primeiro-ministro da Itália;
– Pierre Sané, ex-secretário geral da Anistia Internacional e presidente do Imagine Africa Institute (Senegal);
– Jorge Taiana, deputado do Parlamento do Mercosul e ex-ministro das Relações Exteriores da Argentina; e
– Marilena Chaui, filósofa e professora emérita da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (Brasil).
Coordenação da mesa: Celso Amorim, presidente do Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil e ex-ministro das Relações Exteriores e da Defesa (Brasil).

11h-11h15 | Pausa para o café

11h15-12h15 | Debate com o público

12h15-13h | Conclusões da/os expositora/es

14h-17h45 | Mesa 2 – O progressismo e o neoliberalismo em um mundo em desenvolvimento

Expositores:
– Noam Chomsky, professor emérito em linguística do Instituto de Tecnologia de Massachusetts e professor laureado de linguística na Universidade do Arizona (Estados Unidos da América);
– Luiz Carlos Bresser Pereira, professor emérito da Fundação Getúlio Vargas (Brasil);
– Cuauhtémoc Cárdenas, presidente do Centro Lázaro Cárdenas y Amalia Solórzano e ex-governador do Distrito Federal do México;
– Carlos Ominami, ex-senador e diretor da Fundación Chile 21 (Chile); e
– José Luís Rodriguez Zapatero, ex-primeiro-ministro da Espanha.
Coordenação de mesa: Miriam Belchior, ex-ministra do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão do governo Dilma Rousseff.

15h50-16h05 | Pausa para o café

16h05-17h05 | Debate com o público

17h05-17h50 | Conclusões dos expositores

SERVIÇO

Seminário internacional “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”
14 de setembro, das 9h às 17h50
Transmissão ao vivo:
-https://www.youtube.com/user/FundacaoPerseuAbramo/
-https://www.facebook.com/fundacao.perseuabramo/
Realização: Fundação Perseu Abramo

Notícias relacionadas

  1. Margarida Marques Barros says:

    Concordo com o comentário acima, precisamos promover uma revolução como na França, povo nas ruas para fazer valer a maxima: o poder emana do povo e por este será exercido…

  2. Obrigada, Nocaute, por disponibilizar
    tão importante evento em vídeo! Os brasileiros precisam de esclarecimentos que a maioria dos meios de comunicação infelizmente não dão….

  3. É preciso dizer que Dalema, Zapatero e Vilepan integraram governos que aderiram ao cânone neoliberal, da mesma forma que o PT o fez, quando chegou ao poder e ditou sua Carta aos Banqueiros.
    O atentado à ordem multipolar e à democracia tem a ver com o fato de que a esquerda se comportou no Poder, sobretudo do ponto de vista econômico, da mesma forma que a direita, seja na sua vertente bruta ou esclarecida.
    O quadro piorou com a crise mundial de 2008, pelo simples fato de que as concessões ao agendamento liberal foram aprofundadas (o maior exemplo foi a nomeação de Joaquim Levy por Dilma Roussef).
    Deu no que deu.
    Como diria Sêneca: “Amanhã será pior”.

A sua opinião é importante, comente!