Brasil

Wadih Damous: Lula pode ser candidato mesmo preso. E será.


Prezado Fernando, um abraço para você e sua grande audiência. É sempre um prazer – ainda que em vídeo gravado – estar em contato com o Nocaute.
Como você sabe Fernando, eu integro a defesa do presidente Lula. Aliás, acabamos de vir de um vitória, ainda que modesta, já que eu estava sendo impedido de visitá-lo por uma interpretação estapafúrdia da lei, por parte da juíza da execução penal, e ontem eu obtive, no mandado de segurança impetrado pela Ordem dos Advogados do Brasil do Paraná, uma liminar que me assegura a visitação ao presidente Lula na condição de advogado.
Isso foi muito importante, estou muito contente. Finalmente vou poder me avistar com o meu cliente.
As possibilidades de soltura do presidente Lula elas estão condicionadas, infelizmente, a política e não ao processo. Porque se fosse ao processo e fosse pelas regras processuais, não era para ter existido processo contra o presidente Lula.
Essa ação penal que acabou levando a sua condenação é uma montagem, uma farsa. Um teatro do mais baixo nível jurídico.
Na verdade, o processo foi utilizado para a condenação do presidente Lula como um instrumento de perseguição política.
Então, falar de prognósticos contra a possibilidade de soltura ou não, eu não tenho como no plano jurídico. No plano jurídico ainda há recursos, há o recurso especial para o Superior Tribunal de Justiça, há possibilidade de impetrar outro habeas corpus mas é uma resposta muito difícil de ser dada então eu prefiro ir pela franqueza.
Como é a política que está ditando o processo, a possibilidade de soltura do presidente Lula antes da eleição é uma possibilidade remota. Sendo aqui muito franco.
Agora, isso não impede que ele seja candidato. Isso é muito importante frisar já que há muito distorção em relação a isso.
Juridicamente, ele pode ser candidato mesmo preso. A prisão não impede que ele postule o registro da candidatura.
E por essa razão, o Partido dos Trabalhadores já disse oficialmente em todas as suas instâncias, o Diretório Nacional, a bancada de Deputados Federais, a bancada de Senadores, de que em agosto nós vamos registrar a candidatura do presidente Lula nas eleições de 2018.
Lula é o candidato do Partido dos Trabalhadores
Fernando, um forte abraço a você e aos seus leitores.
Até nos vermos, pessoalmente.
Veja também:

Venezuela 2018: Entrevista com o jurista Luiz Moreira


E mais:

CAIXA-PRETA 13: Zé Dirceu será preso hoje?


Notícias relacionadas

  1. Tomara que não impeçam a sua candidatura. Por isso, espero que um dos candidatos da esquerda suba nas pesquisas para evitar o desastre que a direita representa.

A sua opinião é importante, comente!